ANTIGO E PRIMITIVO RITO MAÇÔNICO ORIENTAL DE
MEMPHIS-MISRAÏM
 O ANTIGO E PRIMITIVO RITO ORIENTAL DE MEMPHIS-MISRAÏM -
A.´.P.´.R.´.O.´.M.´.M.´. - ORIGEM
 Esta Obediência Maçônica, que comemorou em 1988 seu segundo centenário, é o resultado da fusão
de dois Ritos Maçônicos, o de Memphis e o de Misraïm, realizada por Garibaldi, que foi  seu primeiro
Grão-Mestre Geral. O Rito de Misraïm foi estabelecido em Veneza, em 1788. Ele deve sua  formação
a Cagliostro que, segundo os registros históricos, teria constituído o Rito utilizando os Três Graus
Simbólicos da Grande Loja Maçônica da Inglaterra, os Altos Graus da Maçonaria Templária Alemã e
os ensinamentos das Antigas Escolas de Mistérios do Egito. Já o Rito de Memphis foi estabelecido em
Montauban, em 1785, por Maçons que tinham participado da Missão do Egito com Napoleão
Bonaparte, e lá teriam entrado em contato com certas Ordens Iniciáticas cujos ensinamentos vieram a  
integrar o Rito. Alguns dos Graus Iniciáticos destas duas Obediências vieram das antigas Obediências
Esotéricas do século XVIII, tais como da Antiga e Primitiva Ordem, do Rito Primitivo dos Filadelfos,
do Rito dos Irmãos Africanos, etc...

  Estes dois Ritos difundiram-se rapidamente pela Europa, e muitas Lojas surgiram na França,
contando com a presença de ilustres Maçons como o Conde Muraire, Soberano Grande Comendador
do Rito escocês Antigo e Aceito, o Duque Decazes, o Duque de Saxe-Weimar, o Duque de Leicester e
o Tenente-General, Barão de Teste, entre muitos outros.

  Devido ao caráter esotérico do A.´.P.´.R.´.O.´.M.´.M.´., na França, é a Obediência onde se reúnem
principalmente os Maçons de Alto Grau, pertencentes ao Grande Oriente da França e da Grande Loja
Nacional Francesa.

  O caráter esotérico, ocultista e simbólico desta Obediência tem atraído Maçons também de outros
países, inclusive do Brasil, revitalizando a Maçonaria e resgatando o significado de seus símbolos.

  O A.´.P.´.R.´.O.´.M.´.M.´. mantém-se fiel a tradição e aos princípios da tolerância e da liberdade de
pensamento que fizeram dele, no século XIX, sob o Terror Branco, o refúgio e o viveiro dos
Carbonários.

  Atualmente a Maçonaria Universal de Memphis-Misraïm tem milhares de Membros espalhados pelos
cinco continentes.
Página inicial A.´.P.´.R.´.O.´.M.´.M.´.

Página inicial S::F::S::E::
Página anterior
Próxima página